Blog Einstein

.......................
25
Abr

Envelhecimento e o sistema locomotor

Autor: Dr. Dan Viola, ortopedista e traumatologista do Einstein
Categoria: Proteja-se

O sistema locomotor é um dos que mais sofre com o avanço da idade, interferindo diretamente na qualidade de vida dos idosos. A redução da massa muscular ocorre pela diminuição natural da força de contração e das fibras musculares. Os pacientes que ficam acamados perdem de 1% a 1,5% da massa muscular a cada dia de imobilidade.

Com o envelhecimento, ocorre também a diminuição de densidade óssea que pode variar entre a osteopenia (perda óssea) leve e a osteoporose. E acomete mais frequentemente mulheres e aumenta o risco de fratura nas pacientes. Os principais fatores de risco para osteoporose são: raça branca, sexo feminino, baixo peso, sedentarismo, baixa ingestão de cálcio, tabagismo e uso de bebidas alcoólicas. O melhor método de detecção é a densitometria óssea. O tratamento é medicamentoso e ajuda a prevenir as fraturas, principalmente na coluna.

Outra alteração importante é o envelhecimento articular. As cartilagens das articulações sofrem alterações significativas com a idade e dão origem à osteoartrose (artrose), que atinge cerca de 30% da população acima de 50 anos e é responsável por cerca de 50% das consultas médicas ortopédicas.

Os principais fatores de risco para a artrose são hereditariedade, alterações hormonais e obesidade. Os fatores mecânicos também são importantes, são eles fraturas articulares, traumas repetitivos e sobrecarga esportiva. Ainda não existe um tratamento medicamentoso altamente eficaz para a artrose. Algumas substâncias podem induzir a reparação da cartilagem articular nos graus mais leves da doença, porém o tratamento ideal é a mudança nos hábitos. Os exercícios de fisioterapia acompanhados de perda de peso e fortalecimento muscular podem diminuir os quadros de dor. Em algumas situações é necessário tratamento ortopédico mais efetivo, com cirurgias e substituições de articulações por próteses.

Cabe aos pacientes, familiares e médicos auxiliarem no combate e no tratamento do envelhecimento músculo-esquelético. Pequenas mudanças nos hábitos diários podem diminuir os riscos de lesões ortopédicas. Recomenda-se alimentação saudável e rica em cálcio, combate ao sedentarismo, exames periódicos e prevenção de quedas, especialmente dentro da própria residência. Como em qualquer outra patologia, a prevenção é mais fácil e menos dolorosa do que o tratamento.

Compartilhe

Deixe um comentário

* *

* Caracteres restantes: 500

* Campos Obrigatórios

5/9/2013 17:57:02

Macedo

Estou deveras esclarecido. Meus agradecimentos.

5/4/2012 15:15:09

Einstein.br

Olá Ladja, Para uma avaliação mais detalhada e precisa, você deve procurar o médico que acompanha seu caso. Só ele pode esclarecer todas as suas dúvidas. Caso queira, disponibilizamos duas formas de indicação médica. Por meio da nossa Central Médica, pelo telefone 11 2151-1233, ou pelo nosso site http://www.einstein.br/hospital/Paginas/indicador-medico.aspx.

3/4/2012 18:51:27

ladja medeiros

Caros fiz algumas radiografias pois estava com muita dor no joelho e deu o seguinte laudo: Formações osteofiticas tibiais 2º osteofitos marginais nas patelas 3º minima redução dos espaçoes articulares mediais dos joelhos. oq eu isso quer dizer? é normal para uma mulher de 32 anos e 1,85 de altura e 115 kg?

13/7/2011 17:50:59

einstein.br

Olá Harley, A osteoartrose de joelhos geralmente causa dores de graus variados, muitas vezes progressiva. Os pacientes com dores devem ser tratados e o tratamento depende de uma série de fatores clínicos e radiológicos.A artroscopia é um dos procedimentos que pode ser utilizado no tratamento, porém somente o médico que avalia e acompanha o paciente está apto a julgar os riscos e benefícios dos procedimentos. Caso queira agendar uma consulta com nossos especialistas em joelho, entre em contato pelo telefone 2151-1233. Dr. Dan Viola, ortopedista

12/7/2011 14:03:15

harley assef haddad

tenho 65 anos, tenho artroze nos joelhos, eu queria saber se a artroscopia é um bom resultado, pois tenho muita dor

20/5/2011 10:03:34

einstein.br

Vânia, o quadro é muito sugestivo de osteoartrose de joelho. O tratamento envolve avaliação global do paciente e mudanças de hábitos e estilo de vida associado ao tratamento clínico. Em alguns casos as articulações podem estar acometidas precisando de tratamento cirúrgico. Recomendo avaliação de um ortopedista, que poderá decidir se há necessidade do tratamento cirúrgico. O tratamento deve ser individualizado, não podendo ser definido somente pelo exame radiográfico. Dr. Dan Viola

19/5/2011 15:55:43

Vania Francinetti

Solicito informação sobre condutas médicas p/ pacientes idosa, 75 anos, com resultado do RX joelhos: Alterações degenerativas por osteófitos marginais nos fêmores, tíbias e patelas, redução assimetrica dos espaços articulares fêmoro-tibiais, devido aos componentes mediais, discreta esclerose reacional subcondral. Entesófitos inserções dos quadríceps nas patelas. Densificação partes moles suprapatelares provável derrame intra-articular. calcif. artérias poplíteas. É cirurgico? ou Fisioterapia

     

Busca
Posts

ACESSADOSCOMENTÁRIOSRECOMENDADOS

Vídeo

Seu filho come de tudo?

Você sabe escolher adequadamente a alimentação do seu filho? A nutricionista Patrícia Modesto dá dicas práticas de como despertar o interesse dos pequenos pelas refeições saudáveis.
Arquivos
Instagram
Twitter
Facebook