Atividade Física

Facebook Twitter Youtube Google+ Instagram Linkedin Flickr   |  diminuir letra aumentar letra

Academias de ginástica: modo de usar

Com a chegada do verão, a busca pelo corpo perfeito se intensifica. Chega a dobrar o número de alunos matriculados nas academias de ginástica nessa época, se comparado aos meses de inverno.

Academias de Ginástica: modo de usar“A atividade física realizada só no verão pode ser benéfica ou prejudicial para o indivíduo. Se for bem orientada é uma ótima opção para o corpo, mas se a ideia é tirar o atraso do ano, aí a malhação se torna um problema”, alerta Márcio Marega, fisioterapeuta responsável pelo Programa Anti-Sedentarismo do Einstein.

Para começar

Um treinamento feito de forma saudável requer pelo menos três meses. Idealmente, quem quer desfilar um corpo mais bonito na praia, em janeiro, deveria buscar a academia em agosto. “Assim é possível perceber os resultados dos exercícios”, explica o fisioterapeuta.

E para conseguir os resultados pretendidos deve-se começar pela escolha consciente da academia. “Saber a formação dos profissionais que atuam no estabelecimento e estar atento ao tipo de avaliação oferecida são fundamentais”, recomenda Marega.

A OMS sugere a realização de exercícios, pelo menos, três dias por semana durante uma hora, para iniciantes. “Vale lembrar que essa frequência é focada na promoção de saúde. Quem busca performance e intensidade precisa aumentar a carga de exercícios”, afirma o fisioterapeuta.

Os perigos

Um dos perigos - que ronda a prática excessiva de atividades físicas e tende a se intensificar no verão - é o chamado overtraining, ou seja, o excesso de treino. Esse problema traz consequências negativas para a saúde e pode atingir:

  • quem pratica exercícios sem acompanhamento de treinador, educador físico ou fisioterapeuta;
  • se alimenta de forma inadequada;
  • não respeita os necessários períodos de descanso;
  • exagera no tempo de treino ou nas cargas dos exercícios.

Outro perigo recorrente são os anabolizantes – substâncias para aumentar a massa muscular - que podem causar graves danos à saúde, como ataques cardíacos, hipertensão e, nos homens, até impotência.

“Não dá para acreditar em fórmulas mágicas que proporcionam músculos ou perda de peso sem esforço. Isso é resultado de um conjunto de ações como exercícios supervisionados, alimentação adequada e descanso”, diz o fisioterapeuta.

Atividades prazerosas

As palavras-chave para os frequentadores de academias de ginástica devem ser regularidade e boa orientação. “Seguindo esses dois princípios, a atividade física vai ajudar a manter não só o corpo em forma, mas a saúde em dia”, informa Marega.

Não dá para acreditar em fórmulas mágicas que proporcionam músculos ou perda de peso sem esforço

Uma maneira de tornar a atividade física regular é identificar algo que proporcione prazer durante a prática. Hoje, as academias possuem inúmeras atividades que podem agradar a todos. “Malhar não se restringe à musculação: nas academias, é possível nadar, correr, praticar artes marciais, dançar e fazer ginástica entre muitas outras atividades”, ensina o fisioterapeuta.

Ao pensar nas atividades físicas como um prazer e não uma obrigação para perder peso ou melhorar a forma, fica mais fácil manter a regularidade na prática, essencial para a promoção da saúde.

Atualizada em julho/2010

Precisa agendar? Clique aqui para encontrar um médico

Publicado em 02/01/2007


Compartilhe

Deixe um comentário

* *
* Caracteres restantes: 500
* Campos Obrigatórios

Aviso: todo e qualquer comentário publicado na internet por meio deste sistema não reflete, obrigatoriamente, a opinião deste portal ou da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein. Os textos publicados são de exclusiva, integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O Hospital Israelita Albert Einstein reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou, de alguma forma, prejudiciais a terceiros. Informamos ainda que poderá haver moderação dos comentários que apresentarem dados clínicos ou pessoais dos autores, visando garantir a privacidade destas informações. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação (nome e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.