Nutrição

Vitaminas, gorduras e minerais: ingredientes para a memória

Quando sua avó dizia "comer peixe faz bem para a memória" acredite, não era preciosismo dela ou lendas dos antigos. Os peixes contêm substâncias benéficas para o cérebro. Além deles, frutas, verduras e cereais estão na lista dos alimentos que colaboram para a memória afiada.

Vitaminas gorduras e minerais ingredientes para a memóriaE os especialistas garantem: quanto mais cedo forem incluídos no cardápio, melhor. Isso porque a capacidade de armazenar dados – chamada de memória – precisa receber manutenção constante para não entrar em "pane". Essa manutenção vem da união de hábitos saudáveis, como boas noites de sono e momentos de lazer e o que colocamos no prato todos os dias.

É preciso ter bom senso porque os resultados da alimentação vêm em longo prazo. Não adianta rechear as refeições com alimentos que ajudam a memória e acreditar que amanhã ela estará afiada. Isso é um processo que leva tempo; portanto é importante aderir à alimentação saudável o quanto antes.

Para Camila Nottoli, nutricionista do Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE), o importante é sempre ter uma alimentação balanceada, que ajude a manter todas as funções do organismo. E acrescenta: "É preciso ter bom senso porque os resultados da alimentação vêm em longo prazo. Não adianta rechear as refeições com alimentos que ajudam a memória e acreditar que amanhã ela estará afiada. Isso é um processo que leva tempo; portanto é importante aderir à alimentação saudável o quanto antes".

Abaixo, confira uma lista completa dos alimentos e ingredientes indispensáveis para deixar sua mente em dia.

Os campeões em turbinar a memória

Ômega-3

Gordura benéfica e essencial para o organismo que, além de fazer bem ao coração, é boa para a memória porque protege a membrana que recobre o cérebro. "Essa membrana é responsável por transmitir as informações na massa encefálica; portanto, quanto maior a quantidade de ômega-3, melhor", explica a nutricionista.

Onde é encontrada

  • Nos peixes, em especial os de águas frias e profundas, como salmão, sardinha, anchova, atum, arenque e cavala.
  • Na linhaça, que protege o cérebro, além de ajudar no bom funcionamento dos intestinos. E para potencializar ainda mais os efeitos, deve ser consumida batida em sucos, vitaminas ou molhos.

Colina

É uma das vitaminas do complexo B. A colina está chamando a atenção dos pesquisadores quanto às suas qualidades, pois tem a capacidade de reparar as membranas celulares. "Embora não tenhamos estudos fechados, sabemos que ela protege as membranas do cérebro", acrescenta Camila.

Onde é encontrada

  • Na gema do ovo, onde é abundante
  • O espinafre possui colina, mas deve ser consumido cru para não perder parte da substância durante o cozimento
  • Levedo
  • Soja e derivados
  • Nozes

Vitamina B12

Importante para o metabolismo dos neurotransmissores (substâncias que transmitem impulsos nervosos no cérebro e são responsáveis pelas sensações).

Onde é encontrada

  • Fígado de boi, fonte mais rica dessa vitamina
  • Algas
  • Peixes em geral
  • Leite e derivados
  • Grãos, como o feijão
  • Alface

Vitamina B1 – Tiamina

Quando em falta, prejudica a capacidade cerebral pois é responsável pela captação da glicose, que é a fonte principal de energia para todo o corpo. "O cérebro acaba demorando mais para transmitir os impulsos nervosos por falta de energia e todas as funções ficam comprometidas", afirma a nutricionista.

Onde é encontrada

  • Cereais
  • Frutas em geral
  • Levedo de cerveja
  • Carnes brancas e vermelhas
  • Legumes

Vitamina B9 – Ácido fólico

Responsável por diminuir os radicais livres, substâncias que aceleram o processo de envelhecimento do organismo. Quanto maior a quantidade de ácido fólico, mais protegido estará o corpo todo, inclusive o cérebro, da ação do envelhecimento.

Onde é encontrada

  • Fígado
  • Vegetais de folhas verde-escuras como brócolis, espinafre, couve e rúcula
  • Feijão
  • Gérmen de trigo
  • Levedura de cerveja

Vitamina E

Mais um integrante do time dos antioxidantes e, portanto, neutralizador dos radicais livres.

Onde é encontrada

  • Gema de ovo
  • Óleos vegetais, como os de canola e girassol
  • Gérmen de trigo
  • Frutas em geral
  • Verduras de folhas verde-escuras

Selênio

Há também alegações de que o selênio ajuda na capacidade de concentração, o que se reflete diretamente na memória

Mineral de ação antioxidante com função de neutralizar os radicais livres e, assim, evitar o processo de envelhecimento acelerado. "Há também alegações de que o selênio ajuda na capacidade de concentração, o que se reflete diretamente na memória", completa a nutricionista.

Onde é encontrado

  • Grãos integrais como o trigo
  • Alho
  • Castanha do Brasil

Cromo

Mineral associado ao metabolismo da glicose, grande fonte de energia para o organismo. Também aumenta a ação da insulina.

Onde é encontrado

  • Óleo de milho
  • Cereais integrais
  • Levedo de cerveja

Receita da Memória

Camila Nottoli sugere uma receita repleta de ômega-3. O seu cérebro agradece!

Salmão com Erva-Doce

Ingredientes

  • 1 kg de filé de salmão fresco
  • 150 ml de azeite de oliva
  • 500 g de erva-doce
  • Sal a gosto

Modo de preparo

  • Tempere o salmão com azeite e sal
  • Coloque as fatias de erva-doce sobre o salmão e cubra com papel-alumínio
  • Leve ao forno a 180 graus por 30 minutos

Publicada em setembro/2007

Precisa agendar? Clique aqui para encontrar um médico

Publicado em  


Compartilhe

Deixe um comentário

15/03/2014 16:53:17

sonia

muito interessante e saudavel amei....

Resposta:

Oi Sonia, que bom que você gostou do nosso conteúdo. Continue nos acompanhando por aqui.

     
* *
* Caracteres restantes: 500
* Campos Obrigatórios

Aviso: todo e qualquer comentário publicado na internet por meio deste sistema não reflete, obrigatoriamente, a opinião deste portal ou da Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein. Os textos publicados são de exclusiva, integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O Hospital Israelita Albert Einstein reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou, de alguma forma, prejudiciais a terceiros. Informamos ainda que poderá haver moderação dos comentários que apresentarem dados clínicos ou pessoais dos autores, visando garantir a privacidade destas informações. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação (nome e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.